quinta-feira, 30 de abril de 2009

Enquanto o Martim não chega...


...Estou apaixonada por este novo Amigo!

A saga do Berçario


Ainda não comecei a procura "em campo"... apenas na internet, uma pesquisa light a nível de valores, actividades e programas pedagógicos.

Estava a pensar em elaborar uma lista com alguns critérios que fosse avaliando em cada visita. No final, o que obtivesse maior nota sería o candidato mais forte. Que vos parece? Sugestões?

Que aspectos devo ter em linha de consideração?


quarta-feira, 29 de abril de 2009

The Baby Shower is coming... Count Down!


E eis que senão o dia 10 está a chegar! :)
Quando marquei a data pensava : - "Bem! Nesta altura já vou estar de 30 semanas... Meu deus! Faltará tão pouquinho para o Martim nascer!"
Pois é, e em menos de nada estamos praticamente a uma semana do Baby Shower!
Já estou a começar a tratar dos pormenores... sim para quem bem me conhece, sabe que não deixo créditos por mãos alheias, e faço tudo ao pormenor!
Tias, "Sê preparem!"... ;)
Vai ser óptimo rever as minhas meninas todas !!!
Ainda faltam confirmações... Meninas?!?
Ainda seremos umas quantas! ;)

Sempre bem juntinho a mim... Baby Sling


Já está encomendado...
Deve chegar dentro de dias...
Sou, absolutamente, fã!
Dos 0 aos 12 meses!

terça-feira, 28 de abril de 2009

28 semanas!


Tenho uma barriga enorme!
Já não durmo nada bem, a sensação de "peso" é constante...
Cada dia que passa é mais um no teu crescimento, e menos um para te conhecer!

segunda-feira, 27 de abril de 2009

Um Amiguinho novo!


Prestes a comemorar as 28 semanas, o Papá ofereceu um amigo novo!
É adorável! Chama-se "Nhoky". (don't ask!!! ;)

Praínha...


Ja encontrei um Bikini que me serve!
Já tenho os cremes de factores elevados para aplicar na barriga e no corpo!
Tenho uma toalha de praia nova, que comprei o ano passado e não estreei ainda...
Vivo a 700 metros da praia...
Estou branca, pálida como a cal...
DE QUE ESTÁ O SOL À ESPERA?!?
Quero ir para a praiaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa!

quinta-feira, 23 de abril de 2009

(Auto)Carro Familiar!

Quando se tem crianças até o transporte tem de ser pensado!
E, a pensar em ti Martim, vamos ter carrito novo... Um carro mais familiar!
Este autocarro parece-te bem?
Independentemente disso, o teu primeiro ordenado considera penhorado, por conta deste novo investimento!
Hoje é dia de regatear preços! ;)

quarta-feira, 22 de abril de 2009

Aqui fui feliz...

Há 3 anos atrás este foi o meu dia! Como diz o Luís Represas "as lembranças são os sorrisos que queremos rever devagar!"... Palavras para quê?

Mexico 2006

terça-feira, 21 de abril de 2009

O D. Juan dos anos 70/80!

Esta foto remonta ao final dos anos 70,quando o avô era um playboy de renome,na noite de Lisboa! Era bem apessoado,temos de admitir! Continua a ser um D.Juan, vais aprender umas coisinhas com ele! A ler,a estudar...hehehe;-)

Digam lá que não tenho um Pai bem bonito?

27 semanas


Seu bebê está pesando quase 900 gramas, com um comprimento total de 37 centímetros. Os olhos abrem e fecham, ele dorme e acorda em intervalos periódicos e pode até chupar o dedo. Desejar ao bebê que "sonhe com os anjinhos" nesta fase não chega a ser besteira. Há especialistas que acreditam que os bebês começam a sonhar por volta da 28a semana de gravidez. Com o que eles sonham? Ninguém sabe ao certo. O cérebro também está bastante ativo esta semana. Os sulcos característicos da superfície cerebral começam a aparecer, e mais tecido cerebral se desenvolve. Se você sentir movimentos ritmados dentro da sua barriga, pode ter certeza de que são soluços, comuns esta semana e ao longo de toda a gravidez. Seu bebê soluça mesmo respirando líquido amniótico, e não ar. As crises de soluço não costumam durar muito tempo, e a sensação pode ser estranha, mas é mais engraçada que desagradável.

Sai mais um cartão amarelo!


Acabo de ter a maior sessão de pontapés de que há memória...
Até se via a barriga a saltar!
Não dá para fazer uma substituição? Queria dormir!!!
;)

*

segunda-feira, 20 de abril de 2009

Muita baba!


Parece-me que já chega de babetes! :) Estes são da colecção dos animaizinhos... há para todos os gostos!



Um babygrow, cuja foto não faz juz à piada! Super giraço, a condizer plenamente com o teu quartinho ,como demonstra o Polvo!

Um Presente da Verbaudet! :)


Um troley para transportares a tua roupinha para casa dos Avós! O Sebastião vai adorar ver-te chegar com esta malinha pela mão, a arrastar pelo chão... Parece que até adivinho o que fará! Hihihihih

Tesourinhos do mar para o banho...



Directamente das profundezas do Mar, para a banheira do MARtim. Adoráveis estes amiguinhos aderentes! Mais um miminho para o baú.






Amazing! Não percebo nada do twitter,mas agora já sei enviar "posts" directamente do telemóvel para o blog! Ó para mim na maternidade,a dar notícias às(os) tias(os)! Lindo! O futuro passa mesmo pela tecnologia! Sent from my cellphone! Hehehe
1,2,1,2... Experiência! Directamente do telemóvel,do you read me?

Há precisamente 3 anos atrás...


... Partia rumo ao Paraíso!
As cores, os sabores, as gentes, a alegria contagiante,os ritmos, as paisagens , a beleza...A magia!
Mexico: Indiscritivel.
Um dia levo-te lá, prometo!
(se parares com os pontapés e com as insónias matinais!)

Malas da Maternidade


O que levar?!?
Supostamente no Curso de Preparação para o Parto dizem,
mas não posso esperar até lá... só começa no dia 11 de Maio!
Já fiz umas pesquisas,mas são muito díspares... :( HELP!

domingo, 19 de abril de 2009

Emissão


Carissimas(os),
Conseguem visualizar bem o blog?
Nos últimos 2/3 dias consigo "postar" mensagens, mas não consigo ver o blog a 100%.
Estão a conseguir ou ando a ser boicatada? ;)

Planos e Projectos


Esta semana tenho algumas tarefas para fazer:
Terminar as arrumações cá por casa;
Comprar as coisinhas para levar para a maternidade (woooow!);
Preparar as malinhas da maternidade (woooooooooooooow ainda maior!);
Decidir se passo a ferro as 500 peças que tenho para passar, ou se pago a uma empresa...;
Começar a ver pormenores para Baby Shower! ;) ;
Entre muitos outros...
E, o mais engraçado, é que a mobilidade começa a ser zero. Medooooo!

Mais um filme!


Ontem também foi noite de cineminha com a prima Carolina!
Fomos ver uma comédia light, não nos apetecia ver nada muito pesadão...
Haverá mais light que isto?!?
Don't think so...

Miminhos dos Avós


Ontem depois de almoço fui para casa dos avós...
Hmmm... Gosto tanto de estar com eles!
E o lanchinho?
Gostam? Eu adorooooo e o Martim também!
Obrigada Papás! ;)

sábado, 18 de abril de 2009

Quero uma aula de Pilates!


Hoje acordei com grande lombagia! As minhas costas estão saturadas de todo este peso! ;)Há muito tempo que não castigava o Martim! Se calhar está na hora de ficar mais uma semanita sem jogar Playstation... pelo andar da carruagem, só quando tiver 20 anos é que se vê livre dos castigos , e ainda nem nasceu!
Agora mexe que até dá dó (ó para mim a fingir que me importo!)... é de manhã, durante o dia e à noite... sempre a simular faltas na minha barriga!
O que eu não dava para fazer uma aulinha de Pilates agora! Tenho a bola na garagem,mas não está cheia,o melhor é não me aventurar!
Bom fim-de-semana a todos! ;)

sexta-feira, 17 de abril de 2009

Chegaram as contrações de Braxton Hicks...


As contrações chamadas de Braxton Hicks normalmente começam a aparecer por volta da vigésima semana de gestação. Essas contrações podem ser sentidas mais cedo ou com maior intensidade se for a segunda ou terceira gestação. Você perceberá os músculos do seu útero contraindo-se por 30 a 60 segundos. Entende-se que o útero está exercitando-se, preparando-se para as contrações verdadeiras de trabalho de parto que ajudarão a empurrar o bebê quando chegar a hora de nascer.Nem todas mulheres sentem essas contrações esporádicas e normalmente indolores, que ganharam esse nome de John Braxton Hicks, um doutor inglês que foi o primeiro a descrevê-las em 1872.Essas contrações iniciam-se na parte superior do útero e vão gradualmente descendo antes de relaxar novamente. As contrações do trabalho de parto são mais prolongadas e bem mais intensas que as Braxton Hicks. Para a mulher que esteja em sua primeira gestação pode vir a pergunta em sua mente: "Como saberei diferenciar as Braxton Hicks das contrações verdadeiras?“ A resposta pode parecer vaga mas, é praticamente impossível não diferenciá-las no momento em que o trabalho de parto efetivamente se iniciar.
Mesmo sendo indolores, essas contrações podem ser desconfortáveis. As Braxton Hicks podem aparecer enquanto a mãe está exercendo alguma atividade física mesmo as que requerem pouco esforço físico como tirar compras do carro. Se você sentir desconforto deite-se e relaxe por alguns minutos, se não melhorar, caminhe devagar pelo ambiente. De maneira geral, mudar totalmente a posição do corpo pode fazê-las parar por completo.É recomendável beber bastante água para ajudar a minimizar as contrações que também podem ter sido causadas por desidratação. Em geral, uma falta de líquidos torna seu útero mas irritável - mais uma das muitas razões para beber muita água enquanto você estiver grávida, pelo menos oito copos de água por dia. Não se esqueça.
Porém, comunique seu médico se as Braxton Hicks vierem acompanhadas dos seguintes sintomas:
* Dor na parte inferior das costas
* As contrações forem regulares e seu intervalo estiver diminuindo
* Perda de líquidos através da vagina
Estes sintomas podem indicar o início do trabalho de parto, até mesmo um parto prematuro, e exigem atenção médica.
Que sensação estranhíssimaaaaaaaaaaaa!

Curso de Preparação para o Parto- Centro de Saude

Pois é...
Depois de tanta incerteza e dúvida tomei a minha decisão...
Uma vez que desconheço testemunhos de quem tenha frequentado os vários sitios que ponderei,optei por escolher o "mais seguro".Tem inúmeras vantagens... falei com uma das enfermeiras que vai leccionar o curso e gostei bastante! E é à Borlix (factor preponderante... )
Começo no dia 11 de Maio (dia seguinte ao Baby Shower!) todas as segundas e quintas, das 16h30 às 18h.
No dia 4 de Junho será a visita à maternidade! ?!? Medooooooo. É mesmo verdade, começa a faltar pouco! ;)

quinta-feira, 16 de abril de 2009

A Saga continua...Cartão amarelo!


É verdade... a cada dia que passa o tsunami dentro da minha barriga intensifica-se.
Será que gostaste da nova musica dos Xutos para o PM? :)
O que é certo é que és pior que o João Pinto... estás-te sempre a fazer à falta... é cá cada pontapé!
Qualquer dia ( e começa a faltar cada vez menos) mostro-te o cartão vermelho e expulso-te da minha barriga!!! ;)

quarta-feira, 15 de abril de 2009

Dias Felizes






Aprendi que a vida nos compensa... Tudo o que nos tira , tenta de alguma forma repor...
Fecham-se portas, abrem-se janelas...
Há surpresas que são verdadeiras dádivas e vêm abrilhantar os nossos dias.
Num dia triste, ofereceste-me esta flor...
Ao contrário de todas as que tive até hoje, não murchou... :)
Passou o Inverno escondida, mas hoje brotou flor!
A tua marca nas paredes permanece intacta, bem como a flor! ;)
E... que bela Flor!
Obrigada Piki!
Obrigada Ana, por tudo.
*

Baú dos Tesourinhos

A pedido de algumas famílias, coloquei aqui a lista de Enxoval do Martim, com tudo o que já comprei! (ver barra direita)
Às Tias mais experientes (porque neste campo, e por muito que se esforcem, os homens pouco pescam!) peço para analisarem e ajudarem a completar, caso vejam que falta alguma coisa!
Afinal, ainda há muita coisa para comprar! Hihihihi ;)
Meninas, o que falta?
*

Parabéns Sebastião!


Mais um aninho de vida do meu companheiro!

terça-feira, 14 de abril de 2009

Hoje comemoramos as...


Consulta Medica Família


Hoje tivemos consulta na médica de familia...
O resultado das análises, têm (como tudo na vida) aspectos positivos e menos postivos...
As boas notícias são que não tenho diabetes gestactionais... Huff!!! Era um aspecto que me andava a atormentar... Posso comer gelados e chocolates (que não gosto!) no Verão!!!
As más notícias são que estou com anemia... :( e amanhã mesmo vou fazer análises de urgência, para saber os valores e começar tratamento...
Também tenho uma alergia brutal em baixo do peito, e vou ter de fazer um tratamento!!!
Ena, ena... viva as farmácias!!!
Já enviei por fax os resultados das análises e aguardo que a GO me contacte... :)

segunda-feira, 13 de abril de 2009

Miminhos da Avó


A Avó estraga-te com mimos, Martim!
Aqui ficam a tolhinha de banho e os lençois para sonhares...
Obrigada Avó!

Barriguitas

Prestes a entrar no 3º Trimestre (amanha!)
Será que vou rebentar?!?
P.S. Quero o meu portátil de volta!

domingo, 12 de abril de 2009

Portátil Avariado :( e Nespresso


Ando numa fase de "menos sorte"...
O portatil não arranca... passa horas para iniciar e nada, chega a um ponto que não ata nem desata! Estou a escrever de um daqueles portateis minimos, pequenininhos, do teu Pai!
Eu que tenho os dedos pequenos, demoro horas a teclar, porque carrego constantemente em duas teclas ao mesmo tempo! :(
Vou pedir ao tio Pedro para URGENTEMENTE me salvar!
Ainda por cima temos presentinhos novos do bau dos tesourinhos e fotos da barriga para "postar" e não consigo!!!
Hoje a avó lembrou-se as 10 da noite que queria um Nespresso para o almoço de Páscoa! AHAHAHA
E a grávida sou eu? A Avó está com desejos de consumismo! Lá fomos comprar a máquina de café... para quem à minha semelhança, não bebe cafe, é um incógnita! :)
Depois foi um serãozinho agradável em casa da Vanda, com o V.Hugo, Tiago e Sofia... a criançada já dormia (Madalena e João) e a Alice (cadela) estava em altas!

Quero o meu portatil!!!!

sexta-feira, 10 de abril de 2009

"O João já partiu.."

Há minutos atrás recebi uma sms...
"O João já partiu..."
A última vez que o vi foi no dia 14 de Fevereiro, Dia dos Namorados.
Foi no dia em que lhe dei a notícia de que ía ser mãe.
Ele sorriu.
Sorriu da mesma forma que fazia ,quando me sentava ao seu colo e me deixava "conduzir" o carro, com 5 anos.
Sorriu da mesma forma carinhosa com que sempre me olhou e abraçou; com a mesma paciência com que brincava comigo; com o mesmo carinho a que sempre me habituou.
Sorriu com o olhar de sempre.
Ainda brincou, como fez no meu baptismo ao presentear-me com um equipamento completo do Benfica, quando era adepto ferranho do FCP.
Por momentos cheguei a pensar que a recuperação era uma hipótese, mas antes que me iludisse percebi o quanto o seu olhar já se ausentava.
A ironia é hoje ser Sexta-Feira Santa.
O João, meu Padrinho de Baptismo, foi , é e será, indiscutivelmente uma das melhores pessoas que passou pela minha vida... de uma bondade surpreendente, de um coração do tamanho do Mundo...
Lamento que não tenha conhecido o Martim. Muito.
Estou triste,muito triste.
Uma parte de mim , da minha história, da minha vida... da minha infância... partiu.

quinta-feira, 9 de abril de 2009

Miminho do Papá


Começamos a constactar que afinal não tinhamos tanta coisa, quanto pensavamos! ;) Hoje o Papá ofereceu este babygrow de recem-nascido para o filhote! ;)

Obrigada Papá!

Presente da Dª M.Glória


A mãe do Ivo (amigo do Papá), Dª Maria da Glória fez esta bela mantinha para o Martim!

Obrigada! ;)

Autocarro 174


Hoje foi noite de cinema.
Realidades Crueis...
Uma história veridica, que nos remete aos dias de hoje...
A violência gratuita ,as imagens chocantes... ao estilo de Cidade de Deus, e outros , vale a pena ver!
A vida é um livro aberto, e por vezes uma escolha pode terminar numa fatalidade...
Como seriamos se tivessemos nascido numa favela no Rio?

quarta-feira, 8 de abril de 2009

Xutos e Pontapés - a saga continua...

Esta criança desde que aprendeu a dar ares da sua graça, não mais parou!
É cada sessão de violência gratuíta! ;)
E que sensação maravilhosa... até já vejo a barriga mexer...
Penalty Martim? ;)

Now What?

Estou aqui numa tremenda indecisão, sobre que curso frequentar! :(

terça-feira, 7 de abril de 2009

Curso de Preparação para o Parto


Chegou a hora de iniciar o dito curso.

Já tinha decido fazer aqui http://preeposparto.com/pages/homepage.php, as temáticas são óptimas, os preços andam dentro da média, e existem uma panóplia de workshops para os pais frequentarem antes e depois do parto, bem como um serviço de apoio 24h/dia.Até os avós têm direito a uma aula especial, dedicada a eles. É em Lisboa.
Na clinica onde estou a ser seguida, também têm um curso feito com uma das enfermeiras chefe do Hospital onde vou ter o bebe. O curso iniciou hoje, e depois só há outro quando estiver de 29 semanas. O curso dura 8 semanas, pelo que terminaria já com 37 semanas, o que a meu ver, e contando com surpresas, seria arriscar demais. A enfermeira ligou-me hoje... extremamente simpática, disse-me para começar para a semana, e fazia já este curso que termina quando estiver de 33/34 semanas... bem melhor.

Preferia fazer o de Lisboa, parece-me mais completo, mas o que é facto é que esta enfermeira trabalha no Hospital onde o Martim vai nascer, parece-me bem mais importante...

Portanto: dia 14 lá vamos nós! ;) Todas as terças-feiras das 18h30 às 20h30.

Vida no Ventre - 25 semanas

25 Semaninhas

Você está grávida de 25 semanas completas, ou seja, está na 26a semana (e no sexto mês).
Como seu bebê está crescendo
Mesmo sem ar nos pulmões, seu bebê começa a fazer alguns exercícios de respiração. Por outro lado, os cinco sentidos estão se desenvolvendo com rapidez. Tomografias do cérebro de fetos de 26 semanas mostram que os bebês respondem ao toque e que, se uma luz for colocada diante da barriga das mães, eles tendem a virar a cabeça -- o que, segundo especialistas, indica o funcionamento do nervo óptico.

O sono passa a não ser tão reconfortante devido a sonhos muito intensos ou a pesadelos. Isso é bem normal, já que, ao dormir, seu subconsciente vira o espaço para dar vazão a temores sobre a gravidez e seu futuro papel de mãe. Além disso, a barriga maior torna difícil encontrar uma posição confortável na cama. É recomendável começar a criar o hábito de dormir de lado (caso você ainda não faça isso). Travesseiros são seus grandes amigos, use vários (entre as pernas, embaixo da barriga, onde eles a deixarem mais confortável).

Tente manter uma dieta equilibrada. As necessidades nutricionais do bebê são maiores nos últimos três meses da gravidez.

Baby Shower - 10 de Maio

Agora que as Tias já começam a receber os convites em casa, já podemos desmistificar a surpresa:
Dia 10 de Maio vamos fazer o Baby Shower do Martim!
É conhecido por algumas pessoas por "Chá de Bebe", e aqui ficam algumas das definições que encontrei na pesquisa que fiz:
..."Toda gestante sonha em fazer uma festinha para apresentar o lindo barrigão para as familiares e as amigas! É um dia de muita alegria e descontração que merece ser comemorado."
"... O Chá de Bebe serve ,essencialmente, para preparar a vinda do pequeno ser, apresentando-o (no caso a barriga) às amigas e familiares da mãe...!"
" As convidadas podem e devem presentear o bebe com bens para o seu enxoval!" (gostei particularmente desta parte ;) )


Em suma, no convite que eu própria fiz (!) penso explicar o "meu" conceito de chá de bebe.
Depois dos convites, falta preparar o Dia! :)

segunda-feira, 6 de abril de 2009

Consulta das 25 semanas

Finalmente deixaste ver o coração! Mas foi só! :)
A médica nem deixou ver mais nada, seguimos logo para a consulta!
Gostei de tudo... ela podia ser um pouco mais simpática, mas é demasiado objectiva para isso... vai esboçando uns sorrisos, entre dentes, mas o que realmente interessa e se nota de imediato, é que é extremamente profissional.
Fiquei de enviar as análises por fax, quando receber os resultados...
Examinou-me e a ferida no colo continua cá, pelo que nos próximos dias vou fazer um pequeno tratamento (nada assustador! simples) para evitar infecções para o bebe.
Diz que o Martim é timido, gosta de estar enrosacado, e que não é defeito, é feitio! ;)
No geral correu bem.
Devia ter ido para médica... 40 minutos, uma citologia e consulta - UM BALURDIO!
Já fui à Farmácia comprar as coisas que me receitou.
Comer de 2 em 2 horas? Va ter de começar a ser... :)
Próxima consulta: 4 de Maio- 29/30 semanas

Mortais na Barriga!

O Martim hoje está imparável!
Coloco a mão na barriga e até por fora sinto os movimentos! Wowwwww!

'Tadinhos!




Chucha: Sim ou Não

Os bebés não gostam da chucha.
É difícil de acreditar que um bebé nasça a gostar de ter na boca um objecto de borracha, frio e pouco maleável. No mundo perfeito dos bebés a mama da mãe estaria sempre disponível e os bebés seriam felizes a dobrar: teriam comida 'a la carte' e afecto à discrição. Mas, no mundo ideal dos adultos, as mães não podem ser apenas uma mama gigante. Resta aos recém-nascidos contentarem-se com uma imitação.
O reflexo da sucção é algo inato e muitos bebés já chucham no dedo dentro na barriga da mãe. Cá fora, basta tocar-lhes na boca ou na bochecha para que, imediatamente, se transformem em 'peixinhos dentro de água', abrindo e fechando a boca em movimentos contínuos. À falta de melhor, os recém-nascidos começam a levar os dedos à boca, uma acção que, de início, pode revelar-se complicada para quem mal controla os movimentos das mãos. Por isso, a maior parte dos bebés aceita de bom grado quando os pais lhe oferecem a chupeta. Finalmente têm algo para satisfazer o seu reflexo instintivo. Os pais respiram de alívio porque, finalmente, vêem o seu filho quieto e calado. Outros bebés, mais determinados, recusam a chucha enquanto podem. Mas os pais, também obstinados, experimentam todas as formas e feitios até acabarem por convencer os seus filhos de que precisam mesmo da chupeta.
Isso mesmo testemunha Elisabete Santos, enfermeira especialista em saúde materna e formadora em aleitamento materno no Hospital Garcia de Orta. «A primeira vez que se dá uma chupeta ao bebé, ele cospe-a imediatamente, porque é algo que não lhe pertence. Mas os pais insistem e acaba por vencer o mais forte.»
Hospitais livres de chuchas Na maternidade do Garcia de Orta, tal como em todos os Hospitais Amigos dos Bebés, não entram chuchas. Esta é uma das medidas indicadas pela OMS/UNICEF para que se considere que um hospital tem uma prática de protecção do aleitamento materno.
Segundo vários estudos, os bebés que começam a usar chupeta logo à nascença têm tendência para mamar menos. Isto acontece porque a chupeta e a mama exigem modos de sucção diferentes. Assim, se um bebé se habitua a chuchar na chupeta pode atrapalhar-se quando tem a mama na boca e, por isso, não conseguir retirar o leite. Por outro lado, um bebé que está sempre com a chupeta na boca está tão entretido que pede mama menos vezes. Apesar de no Garcia de Orta não existirem chupetas, muitos pais chegam à maternidade apetrechados com vários modelos. «Se os pais trouxerem uma chupeta, dizemos-lhes os possíveis efeitos da sua introdução precoce. Mas não proibimos. Ensinamos, aconselhamos e orientamos. Os pais, depois, tomam as suas decisões», conta Elisabete Santos, explicando que a maior parte dos pais entende e aceita o conselho dos enfermeiros. Pelo menos enquanto estão na maternidade.
Em casa, não haverá pai ou mãe que resista à tentação de oferecer uma chucha ao bebé, na esperança de o sossegar. «A chupeta tranquiliza o bebé e, por isso, serve de tranquilizante para os pais. Numa fase de iniciação é a forma mais fácil de acalmar o bebé. Mas deve ser utilizada como último recurso», afirma.
No Garcia de Orta, os enfermeiros ensinam os pais a interpretar os diferentes tipos de choro do bebé - fome, colo, frio ou calor, etc. - e a agir conforme a situação. A chucha, obviamente, não está indicada para resolver nenhum tipo de choro.
«A chupeta deve ser reservada para o vértice da pirâmide», escreve o pediatra Mário Cordeiro no «O Grande Livro do Bebé» (A Esfera dos Livros). «Se um bebé chora porque lhe falta alguma coisa é errado tentar adiar ou colmatar a resolução do problema através da chupeta. Só servirá para fazer do bebé uma pessoa frustrada e derrotista», critica, provocando os pais que insistem no consolo de borracha: «Idealmente as chuchas deveriam ter em conta o interesse e o bem-estar dos bebés e não as conveniências dos pais. Se calhar quem deveria até ter uma chupeta eram os pais!» Chucha ou dedo, a eterna questão Apesar de não ser contra a chupeta, Berry Brazelton, guru da pediatria, prefere a solução «chuchar no dedo», por ser mais prática, tanto para os pais como para o bebé. «Alguns bebés precisam mesmo da chucha para sossegar. São crianças que não conseguem ou não gostam de chuchar no dedo. Mas isso seria preferível, já que o dedo está sempre a jeito! Muitos bebés necessitam de algo que os ajude a relaxar. Quando conseguem esse auto-conforto, tornam-se mais fáceis de criar», escreve no «O Grande Livro da Criança» (Editorial Presença).
Esta alternativa, segundo o pediatra, acaba também por facilitar a vida aos pais, já que não têm de estar sempre com a preocupação de colocar a chupeta na boca do bebé (principalmente durante a noite), uma vez que ele aprende a auto-consolar-se. «O polegar está sempre disponível», sublinha.
Opinião diferente tem Rosa Gouveia, presidente da secção de Pediatria do Desenvolvimento da Sociedade Portuguesa de Pediatria: «Quando os bebés não têm chupeta, chucham no dedo, o que é prejudicial para o desenvolvimento dos seus maxilares, levando a uma má oclusão dentária. Para além disso, é mais fácil usar a chucha só para dormir e, mais tarde, deixar a chucha, do que deixar o dedo». Num ponto todos os especialistas parecem estar de acordo: bebés constantemente de chupeta na boca, à semelhança da Maggie Simpson, só devem mesmo existir em desenhos-animados. «As chuchas destinam-se aos períodos em que o bebé tem necessidade de chuchar e não para servir como 'olha' para abafar o barulho do choro. Portanto, quando o bebé está bem, calmo e tranquilo, não se deve dar a chupeta ou, se ele a tiver na boca dever-se-á retirá-la. A chupeta deve ser, realmente, o último recurso», afirma Mário Cordeiro. Para Rosa Gouveia, a chupeta pode ser útil para o bebé «dormir e adquirir autonomia relativamente ao sono e em situações de irritabilidade». No entanto, a pediatra lembra que, «embora tenha vantagem para o bebé, pelo papel calmante de sucção, a chupeta não substitui o papel dos pais».
Mais crítica ainda, Elisabete Santos põe em causa a utilidade de algo que é «contra-natura» para o bebé. «Será mesmo que precisam da chucha?», questiona. E quando os pais lhe fazem a mesma pergunta, a resposta, em jeito de brincadeira, já está estudada: «Se os bebés precisassem mesmo de chucha, já nasciam com ela.»
A favor: . Reduz o risco de morte súbita. Vários estudos relacionaram o uso de chupeta para dormir com uma diminuição do risco de morte súbita nos bebés. . Acalma. A chucha acalma o bebé nas situações em que os pais não podem responder imediatamente. . Induz o sono. O movimento de sucção ajuda o bebé a adormecer mais rapidamente.
Contra: . Favorece o aparecimento de otites. Estudos recentes demonstraram que as otites do ouvido médio são mais frequentes nos bebés que usam chupeta continuamente. . Pode atrasar o desenvolvimento da linguagem. Um bebé que está sempre com a chucha na boca vocaliza e palra menos. A partir dos 12 meses, se a criança continua a ter sempre a chupeta na boca, poderá ter mais dificuldade na aquisição da linguagem. . Provoca dependência. São bem conhecidos os dramas vividos por pais e crianças na altura de dizer adeus à chupeta. . Pode provocar deformação dentária. O risco aumenta se o hábito se prolongar para além dos 2 anos. . Interfere com a amamentação.
Truques para deixar a chupeta: Tente que a criança comece a usar a chupeta apenas para adormecer, reduzindo aos poucos a dependência. . Comece a preparar psicologicamente a criança para o adeus à chucha. Diga-lhe que já está a ficar crescida e que, por isso, já não precisa. Evite frases do género: «Ainda usas chupeta, és mesmo bebé». . Use a chupeta como moeda de troca para aquele brinquedo que o seu filho lhe anda a pedir

Hoje é dia de Consulta!

Às 20h...

Surpresaaaa!