terça-feira, 22 de dezembro de 2009

HELP!



Socorrinhooooooooooo!
Não há maneira do Martim comer a Sopa... Já experimentei todos os ingredientes e mais alguns, todas as combinações possíveis, feita na panela, feita na máquina da Chicco e NADA!
Simplesmente sente que não é a papa e... toca a fechar o bico! Nem no biberão...
Já tentei o velho truque de por fruta na ponta da colher e resulta umas 2/3 vezes, mal sente o paladar da sopa: Pernas para que te quero!
A papa e a fruta é uma maravilha...
Estou feita!
Dicas???

12 comentários:

Maria João disse...

Já experimentaste batata doce?

Starfish disse...

Maria João,
Já!
Ainda hoje fiz de com batata doce: NADA!
:(
*

Tania e Santi disse...

Olha querida sempre que o santiago rejeitava alguma tipo de comida eu fazia um jejum da mesma pelo menos uma semana, dps passada a semana voltava á carga...uma vze que o martim n vai a bola com varios ingredientes experimeta so creme de cenoura, nada mais simples e assim pode ser q va...Mas comtinuo a axar que devias estar uns tempos sem tentar

Boa sorte

P.S.Já agora por acaso a mama do martim chama-se Tânia tal como eu?

Beijos Nossos

Flor de Lótus disse...

Os bebés demoram levam alguns dias a adaptar-se aos novos sabores, tenta dar-lhe todos os dias a sopa mas não insistas muito se ele não quiser, mesmo que depois tenhas que lhe dar biberão. Se el for saboreando todos os dias um pouquinho, vais ver que passado algum tempo começa a aceitar. Não desesperes, os nutricionistas dizem que é normal. Afinal é um sabor e uma textura bem diferentes do leite a que estão habituados. boa sorte

Anónimo disse...

Olá! Hoje finalmente decidi-me a escrever qualquer coisita. Acompanho o teu blogue desde a sua existência. Identifico-me integralmente com ele. Ó não fosse eu mãe de uma pirralhita que nasceu um dia depois do teu filhote. Em relação à paparoca é engraçado! A minha piquena é exactamente ao contrário do teu pimpolho. Adora sopa, papa mais ou menos e detesta fruta. Cada um como cada qual....
Para concluir, quero dar-te os parabéns pelo teu menino do mar e dizer-te que adoro o teu blogue. Continuarei a vir sempre. Felicidades!!
Sara

Starfish disse...

Tania e Santi,
É verdade.... Descobriste-me a careca! ;)

Flor de Lotus;
Obrigada pela dica, chega a ser desesperante!

Anónimo,
:)
Deixa o anonimato e junta-te a nós! ;)
Continua a acompanhar-nos e a deixar-nos palavrinhas... Dia 20 de Julho então, é uma data a celebrar! ;)

Aline disse...

Olá Mamã. O meu Martim adora batata-doce e adora sopa. Umas mais do que outras. Das que gosta mais, a reter, pode ser que te ajude: Consistência grossa (nada de semi-líquida); gosta mais sem cebola (tb eu) e gosta à temperatura ideal de 50' no micro (deve ser os tais 37º). Penso que a consistência é o segredo e a textura da batata-doce, ele adora mesmo. Tenta misturar maçã juntamente com os ingredientes.

Czarina disse...

Oi Star, antes de mais parabéns pelo sobrinho. Mas em relação á sopa, o Sal até agora gosta de quase tudo (só me manda passear a papa da ceralc, seja ele qualquer sabor), aconselho-te a falar com o pediatra. Eu digo isto porque o meu disse se o Sal não gosta-se da sopinha para eu esquecer e pensar só na papa...mas claro que isso depende do pediatra.
Beijinhos e espero ter ajudado.

P.S Só por curiosidade já experimentas-te adicionar leite em pó ou até mesmo papa ao puré da sopa...pode ser que vá lhe dar uma sabor diferente que ele goste mais.

Cati disse...

Bem, a batata doce resultou com a Leonor... Não sei se já experimentaste, mas aqui fica a dica!

Beijinho*

Cati disse...

Ora bolas, só agora vi os restantes comentários... bem linda, dá tempo ao tempo. Com certeza ele vai habituar-se e não tarda nada vai adorar sopinha.

Dianels disse...

Eu ontem passei a sopa do Duarte e como estava muito espessa juntei-lhe a água onde cozi a pêra...comeu tudo e até abria a boca para eu lhe dar a colher!!!
Experimenta, mal não faz...
beijocas

Anónimo disse...

Hello starfish

mamã do Lucas aqui...

dicas?!!! dá-lhe fome... ehehe... vais ver se ele pega ou não pega... ai não que não pega... ihihih

se não houver mais nada...

ahahah