sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Vou ser apedrejada?

Sempre gostei muito de dormir, aqui me confesso.
Sempre me deitei tarde,mea culpa.
Desde que o Martim nasceu, todas as minhas rotinas mudaram, obviamente.
Dizem que são eles que se têm de adaptar a nós,
mas nós mães sabemos que não é isso que acontece.
Somos nós que fazemos tudo ao nosso alcance para que eles se sintam protegidos.
Esta noite ,praticamente não dormi.
Passei o tempo a dar águas, benurons, mudar roupas, mimos e afectos.
Eram 7h da manhã e ele acordou melhor.
Ainda que cansadissima, esbocei o maior sorriso do mundo.
Porque sei que ele está melhor, porque me esforcei para que assim fosse.
Sei que muito mais que o paracetamol, é a minha mão a apertar a dele,
que o deixa dormir sereno.
Excesso de mimo?
Talvez.
Mas que atire a primeira pedra quem não mima os seus filhos,
seja em que idade for!

11 comentários:

Ana (Mãe da Clara) disse...

Nenhuma mãe peca por mimar o seu filho!
É impossível vermos os nossos filhos a precisarem de nós e não fazermos nada para ajudar a melhorar!
Se tiver que ser apedrejem-me contigo! =D

A tua mamã! disse...

Eu faria o mesmo!!!
Isso não é excesso de mimo é simplesmente amor!!!
Fizeste muitissimo bem!
Para mim excesso de mimo é outra coisa e provavelmente até tem outro nome mas isso agora não interessa nada!!!
O que interessa é que todo esse amor fez o Martim ficar melhor!!!
Beijos

Carla disse...

Eu tb mimo muito o meu filhote, especialmente quando está doentinho e vou continuar a mimá-lo enquanto ele deixar!
As melhoras do Martim.
Abraçeijos
Mamã do Tiago de 13 mesinhos

Ana Pedro disse...

O que é excesso de mimo??
Eu acho que quem peca é quem consegue ignorar a carência de um beijinho ou de um carinho... até mesmo quando eles nos contrariam, batem o pé, tem de ser à maneira deles... são os nossos filhos a crescer. Sabemo-lo tão bem... tantas vezes tentamos (e conseguimos) contrariar quem nos dava a mão, certo??

Excesso de mimo não existe, existe sim excesso de caprichos, e mesmo assim, quem tem a coragem de dizer ao seu filho para não comer uma guloseima quando a come??
Ou que não lhe vai comprar as coisas independentemente dos outros tambem terem ou de ele ter uma apetecncia para coisas que não são para a sua idade??
Eu não!

E sim, Star, não há dose de paracetamol que supere os poderes de uma mão de mãe!

Alexandra Silveira disse...

Junto-me a ti e a Ana no apedrajamento.
Mãe que é Mãe mima os filhos.
;)

Rita disse...

Aqui passou-se o mesmo esta noite.
As melhoras para o Tatim :)
:*

Ser MÃE - Mudança Radical disse...

Eu não atiro nenhuma pedra... de certeza!!! A semana passada passei duas noites tal como tu passaste... a coisa melhor que mimar os nossos pequeninos??? NÃO!!!
As melhoras para o Martime a mamã dele!

Ana disse...

O mimo q damos ñ é só p eles. Tb é p nós.
Fizeste mto bem. Continua c esses excessos q só fazem bem (a ambos).

A tua mamã! disse...

Isso mesmo Ana Pedro!!!
Para mim excesso de mimo tem outro nome que se é falta de educação.
Os mimos são tão bons!!! Até os adultos gostam...

Anónimo disse...

Não existe excesso de mimo.
Fazes muito bem em dar-lhe miminhos. O meu tem estado muito doente e por causa disso há uma semana que dorme comigo na minha cama exactamente para lhe dar esse miminho e conforto que nenhum ben-u-ron ou ventilan consegue dar. Temos de ser nós a mimar os nossos piquininos. Mima muito o teu que eu por cá faço o mesmo com o meu.
As melhoras.
Beijocas
Vera Russo

Aline disse...

Mais vale mimos a mais do que de menos. Tb se passa o mesmo cá em casa. E perguntas se (os outros) acham bem? Nem sempre! Que se dane! Amor de mãe é isso. Fazemos tudo pelos nossos pequeninos.
Beijinhos e melhoras